A economia compartilhada é um conceito que ganha mais força a cada dia que passa. Isso não é à toa, já que os benefícios que podem ser obtidos são excelentes, como pode ser visto no coworking

Economizar é o intuito de todas as pessoas e empresas ao redor do mundo. Afinal de contas, isso pode ajudar a manter sua subsistência e também contribuir para seu crescimento. O conceito da economia colaborativa ajuda com esse intuito.

Com os recentes avanços da tecnologia e sua aplicação em todos os setores, ficou muito mais fácil se comunicar com todos e, assim, poder participar juntos de processos e ideias que resultem em economia para todas as partes.

Uma das principais iniciativas, que já está estabelecida no mercado devido ao seu sucesso, é a economia colaborativa, também chamada de economia compartilhada ou em rede. Conhecer como funciona esse conceito e como ele pode ser aplicado pode fazer toda a diferença na vida de uma empresa.

Economia colaborativa

Como funciona a economia compartilhada?

Quase todo mundo conhece alguns serviços que são prestados com base nesse tipo de economia, embora possa apenas não saber ou não ter parado para pensar sobre o assunto.

Ao tomar como exemplo a aquisição de um carro, alguns dos impeditivos são seu alto custo de aquisição e manutenção, o pagamento de seguro e estacionamentos e o abastecimento do tanque, entre outros gastos fixos.

O transporte público é uma alternativa, mas que não oferece o mesmo conforto. Além disso, muitas linhas e trajetos não atendem plenamente às necessidades de cada cliente.

A primeira opção que viria à mente há algum tempo seria o táxi, mas esse serviço também tem um custo consideravelmente alto. Para acabar com esse problema, chegaram os aplicativos de transporte, como Uber, 99 e Cabify, onde donos de veículos oferecem viagens em troca de dinheiro, com preços bastante acessíveis.

O sucesso da economia colaborativa pode ser visto nos mais variados setores. Para a estadia em viagens, existe o Airbnb, onde os proprietários alugam suas casas; para visitas em restaurantes, eventos e até mesmo viagens, as compras coletivas tornam tudo muito mais barato.

Portanto, de uma forma sucinta, a economia em rede tem o intuito de que todos possam cortar custos, sejam eles fixos ou não.

Um dos maiores trunfos, porém, está no segmento imobiliário: o coworking, que é mais utilizado pelas empresas a cada dia que passa.

Pessoas em coworking

Como funciona o coworking na economia colaborativa?

O próprio termo já deixa bem claro: seria algo como cooperative working (trabalho cooperativo). Na prática, esse termo é utilizado quando várias empresas ou startups trabalham em uma mesma sala ou escritório, mesmo que sejam de segmentos completamente diferentes.

Esse pode parecer um conceito estranho, mas com certeza é um grande acerto. Afinal de contas, isso é extremamente benéfico para reunir várias pessoas em um mesmo ambiente de trabalho, o que forma uma sinergia muito interessante, que pode ajudar ainda mais na realização dos afazeres.

Porém, sem dúvidas, a maior vantagem do coworking é a própria economia colaborativa. Todas as pessoas e empresas que estiverem ali dividem os custos da sala comercial, como água, luz, internet, aluguel, recepcionista, condomínio e outras eventuais despesas. No final das contas, sai bem mais barato para todo mundo.

Outra vantagem é a de que é possível alugar uma sala em um lugar mais privilegiado, como no centro da cidade ou em lugares com grande fluxo de pessoas, algo que seria impossível ou inviável com apenas uma empresa, que teria que arcar com todos os custos sozinha.

Tudo isso pode ser confirmado pelo Censo Coworking Brasil 2017, que aponta a presença de 810 espaços de coworking conhecidos no Brasil até março deste ano, número 114% maior do que o que foi observado no ano de 2016.

O coworking é uma tendência que cresce cada vez mais e que deverá continuar crescendo, por se apresentar como uma alternativa de economia colaborativa muito interessante, já que é possível fazer o aluguel de escritórios de alta qualidade sem precisar investir uma fortuna.

WebEscritórios

Ver todas as postagens

Adicionar comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Anuncie seus imóveis
Click e saiba mais
Anuncie em nossos portais

Saiba mais sobre como podemos te ajudar

FALE CONOSCO