Com o equipamento certo para cada ambiente, a circulação do ar fica muito melhor, tirando o mau cheiro e evitando a proliferação de fungos

O banheiro é um cômodo indispensável, no qual todas as pessoas usam pelo menos uma vez ao dia, e nada pior do que ir em um lugar com forte odor e mofo nas paredes. Para evitar esses problemas existem equipamentos que auxiliam na ventilação para banheiro.  

Muito comum em locais fechados, a falta de circulação do ar é um transtorno recorrente em empresas, já que as estruturas dos prédios não comportam tantas aberturas de janelas.

Existem diversas formas de fazer a instalação desses equipamentos, cada um tem um procedimento e uma cautela a ser adotada. Exaustores e grades de ventilação são os mais usados nesses casos.

Ventilação de banheiro

Dúvidas na hora de escolher o equipamento

Frequentes dúvidas passam pelas cabeças dos clientes na hora de decidir qual equipamento utilizar. O meu problema será resolvido? Vai trazer mais custo ou benefício? Meus funcionários aprovam essa ideia?

Exaustores e grades de ventilação, aparecem como os solucionadores desses problemas. O exaustor puxa o ar parado do local, melhorando a circulação toda vez que é acionado.

A grade de ventilação funciona com o ar abafado saindo pelas aberturas superiores, enquanto uma nova corrente entra pelas entradas localizadas na parte de baixo. Esse processo melhora a qualidade do ar continuamente.

Já que os dispositivos são projetados para pouco alterar o ambiente, a arquitetura não precisa ter a sua aparência prejudicada. Cabe ao engenheiro contratado ver qual a necessidade da reforma.

Lembrando que toda reforma de instalação, deve passar por uma autorização de um engenheiro, aprovando o laudo conforme as normas, da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT), NBR 16280:2014, elaborada pelo Comitê Brasileiro da Construção Civil.

Cada equipamento tem os seus custos. O exaustor por ser elétrico, tem um custo maior e o uso constante dele pode aumentar a conta de luz. A grade de ventilação necessita apenas da instalação dos dutos, já que seu funcionamento não provém de eletricidade.

Funcionários hesitando ir ao banheiro por causa do cheiro, não estão satisfeitos com seu trabalho. Isso contribui para um mau clima organizacional na empresa. Um ambiente com uma boa ventilação, favorece para manter o bem-estar.  

Vantagens e desvantagens do exaustor e grade de ventilação

Ventilação para banheiro

O exaustor promove a circulação do ar com mais eficiência, o equipamento suga o ar abafado do local e solta para o lado de fora, através de um motor e hélices alimentadas por energia elétrica.

Um dado ruim, é o alto consumo que se pode ter do uso do equipamento. A utilização contínua do aparelho não é recomendada pelos técnicos, que pode aumentar em muito a despesa elétrica. Uma das soluções apresentadas por eles, é acionar o equipamento junto ao interruptor.

A grade de ventilação para banheiro é uma boa opção para quem quer economizar nesse processo. Sem a necessidade de usar energia, a grade permite a renovação do ar através do chamado efeito chaminé.

Para que esse efeito funcione são necessárias duas aberturas, uma em cima e outra na parte de baixo da parede, assim o ar parado do banheiro sai pela parte de cima e o ar externo entra pela parte de baixo.

Isso funciona porque a pressão do ar interno sofre alterações ocasionadas pela temperatura do ambiente. O ar que entra na parte de baixo é mais frio do o que está no ambiente, fazendo a circulação ocorrer pela parte de cima da abertura. Acontecendo assim, o efeito chaminé.

Essa renovação de ar é mais econômica, porém é mais demorada. Fazendo com que o cheiro e umidade fiquem mais tempo no ambiente. Não é recomendado para lugares mais espaçosos.  

Esses equipamentos de ventilação para banheiro são os mais usados no mercado para problemas assim. Cada lugar tem suas peculiaridades a serem consideradas. É bom sempre lembrar que o engenheiro contratado é o responsável pela decisão de qual é a melhor reforma a se fazer.

Arquitetura e design

As opções encontradas no mercado passam por diversas formas e tamanhos. Não é preciso fazer uma mudança drástica para instalar um exaustor ou grade de ventilação.

Existem modelos mais discretos, quase passando despercebido no local. O exaustor, por exemplo, tem algumas opções que são finas e de encaixe no teto, sugando o ar abafado e dando uma certa elegância ao ambiente.

Para a grade de ventilação, evitando usar uma abertura muito grande, pode-se usar grades pequenas e localizadas em diversos pontos do lugar. Melhorando a qualidade o ar sem alterar a aparência do ambiente.  

Cuidados a se ter com o ambiente

Pensando em evitar transtornos futuros, é sempre bom ver como que estão as condições do banheiro. A ventilação pode parecer uma coisa boba, sem muita importância, porém é um fator desagradável que pode vir a interferir no clima do imóvel comercial.

Custo e benefício do equipamento deve ser considerado na hora da aquisição. A instalação deve ser feita por pessoas devidamente habilitadas para essa reforma.

Sem necessariamente alterar a arquitetura, as opções contam com diversos modelos discretos. Para melhorar a circulação do ar, não precisa mudar a aparência do ambiente. Se for necessário, existem modelos bem elegantes para a mudança.

Prestar atenção se o equipamento instalado está funcionado é de suma importância para a saúde e o bem-estar de todos, evitando assim um clima organizacional ruim em sua empresa.

WebEscritórios

Ver todas as postagens

Adicionar comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Anuncie seus imóveis
Click e saiba mais
Anuncie em nossos portais

Saiba mais sobre como podemos te ajudar

FALE CONOSCO